Samsung apresenta Galaxy com tela de 6 polegadas

A Samsung apresentou hoje, na China, um phablet que chega próximo da categoria tablet, de tão grande. É o Galaxy A9, que tem tela Super AMOLED de 6 polegadas.

A tela gigante tem resolução de 1080p e o aparelho ainda conta com uma robusta bateria de 4.000 mAh. O processador é um Snapdragon 652, há 3 GB de RAM e outros 32 GB para armazenamento.

O aparelho possui câmera traseira de 13 MP e frontal de 8 MP, mas a versão do Android é a 5.1.1. Segundo reportou o Engadget, por ora o Galaxy A9 será vendido apenas na China e não se sabe por quanto.

Fonte: Olhar Digital.

Facebook pode notificar quando usuário perder a postagem de um amigo

O Facebook está testando um recurso que notifica o usuário quando ele perder algo que seus amigos publicarem. Ao abrir a página da rede social no computador e clicar no próprio perfil, é possível perceber a indicação de que há uma nova postagem, identificada por uma pequena bola azul e a indicação de quantos novos posts existem.

Reprodução

A rede social prioriza o conteúdo do feed de notícias usando uma combinação das preferências das pessoas e do número de vezes que elas visitam os perfis de amigos ou interagem com eles. Como resultado, muitas postagens acabam “escondidas” da página inicial.

Se for estendida a todos os usuários, a novidade pode ajudar quem deseja ficar sabendo do que acontece com todos os amigos, algo que é difícil de se realizar normalmente.

Via TheNextWeb

Fonte: Olhar Digital.

Bug em software faz EUA soltarem mais de 3.000 presos antes da hora

Uma falha de software fez com que o Estado de Washington, nos Estados Unidos, liberasse cerca de 3,2 mil prisioneiros antes da hora.

O problema começou em 2012, quando ocorreu uma atualização no programa que calcula pontos por bom comportamento. Ela veio com uma falha que fez com que 3% dos detentos recebessem créditos a mais.

Repercutindo a BBC, o Gizmodo informa que o bug foi notado no mesmo ano, mas nada foi feito de imediato para corrigi-lo. Como resultado, os presos soltos receberam uma média de 49 dias indevidamente – mas há pelo menos um caso em que a pessoa obteve mais de 600 dias.

A solução finalmente deve ser colocada em prática em 7 de janeiro. Enquanto isso, todos os presos liberados antes da hora deverão retornar para cumprir o resto de suas sentenças. Pelo menos quem não causou problemas nas ruas durante esse período receberá créditos de verdade por bom comportamento.

Fonte: Olhar Digital.